Travesseiro ideal: você está dormindo no travesseiro certo?

Um travesseiro inadequado pode trazer dores nas costas, pescoço e cabeça. Para ter uma boa noite de sono, alguns fatores importantes devem ser levados em consideração. Confira!

 

Baixo, alto, firme ou fofinho, de plumas, visco, látex ou poliuretano, o ​travesseiro é um dos itens principais para uma boa noite de ​sono​. Opções não faltam para agradar todos os gostos, porém é preciso estar atento. Será que você sabe escolher o travesseiro ideal?


Para desvendar um pouco mais os mistérios do travesseiro perfeito, a Zissou entrevistou a proprietária da clinica de fisioterapia Fisioclinic especialista em Reeeducação Postural Global (RPG) e trouxe essas informações para você̂. Veja!

 

O TRAVESSEIRO IDEAL

 

Assim como o ​colchão, o travesseiro deve ser escolhido com bastante cuidado. Isso porque ele não é um mero apoio para a sua cabeça. Sem uma estrutura adequada, o travesseiro pode ser responsável por dores como: cervicalgia, cefaleias, torcicolos, formigamentos nos braços e mãos.

 

Na hora da compra, fique atento! De acordo com a ​fisioterapeuta Dra. Sandra R.C. de Souza, o modelo deve sempre respeitar a curvatura fisiológica da coluna cervical.

  

O travesseiro ideal: como escolher?

 

“O importante é que ele se adapte à necessidade individual, considerando a distancia entre a face e o ombro”, explica. A Dra. Sandra ressalta que ao se deitar, o ombro não deve ficar sobre o travesseiro, independente da posição utilizada. Por outro lado, quando se está de costas, deve-se ficar atento à ​coluna cervical​, que não pode ficar hiperextendida nem hiperflexionada. Ou seja, apesar de seu gosto, lembre-se da regra principal: observar a distância entre o ombro e a face.

 

Outro ponto que deve ser considerado na hora da escolha é a posição de dormir. Para quem prefere ficar de lado, o travesseiro ideal deve acomodar bem o ombro e a cabeça.

 

“Se optar por um travesseiro baixo, poderá́ causar uma inclinação lateral da cervical. Caso seja muito alto, acontece o contrário. O ideal para quem dorme de lado é ficar com a coluna reta”, diz a fisioterapeuta.

 

Dra. Sandra ainda dá outra dica: usar outro travesseiro entre os joelhos ajuda a aliviar a pressão nessa área e fará o alinhamento do quadril e a região lombar, permitindo uma noite de sono ainda melhor. Evite dormir de bruços pois pode prejudicar a sua coluna. Se for inevitável, utilize um travesseiro baixo no pescoço e outro sob a região abdominal para aliviar a pressão lombar.

 

O travesseiro ideal: como saber se é o certo para você?

 

Ao escolher um travesseiro para uma criança, o cuidado deve ser redobrado. “Como elas estão em crescimento, têm um tempo maior de sono. Por isso, estão mais sujeitas à alterações posturais nessa fase. O uso de um travesseiro inadequado pode acabar trazendo vícios de postura”, alerta.

 

CUIDADOS COM O TRAVESSEIRO

 

É recomendado usar uma capa e trocar a fronha a cada dois dias. Por estar em contato direto com o rosto, é normal que secreções se acumulem. Somadas ao calor do corpo, formam um microclima favorável ao surgimento de ácaros, fungos e bactérias que podem causar vários problemas de saúde, entre eles alergias.

 

Exponha o travesseiro à luz solar e ventilação, para evitar umidade. Se optar por uma limpeza mais profunda, consulte a etiqueta para verificar as recomendações do fabricante.

 

Além do cuidado com a higienização, é importante lembrar de substituí-lo de tempos em tempos. Diferente de um colchão, a vida útil de um travesseiro é bem menor e deve ser respeitada para evitar dores e noites mal dormidas. “Devemos trocá-lo sempre que percebemos que está ficando deformado ou que não tenha mais resiliência para adaptar-se ao peso da cabeça e manter a distância adequada para o rosto e ombro”, recomenda a fisioterapeuta.

 

 

Agora que você conhece um pouco mais sobre travesseiros, gostaríamos de te apresentar o Travesseiro Zissou, que nasceu após mais de 1 ano de pesquisas. Com ele, você define o seu conforto perfeito através da união de camadas que se adaptam às curvas do seu corpo, dentro da capa que mantém o frescor com toque suave e macio. Afinal, cada um tem seu jeito especial de dormir.